Quarta, 06 de Dezembro de 2017 às 01:09
MPF em Palmeira das Missões discute sucessão do cacicado na Terra Indígena do Guarita
Por: Assessoria de Comunicação Social MPF

A realização de um processo eleitoral para a sucessão do cacicado na Terra Indígena do Guarita foi discutida nesta terça-feira, 5, em reunião que contou com a participação de representantes do grupo indígena, do Ministério Público Federal (MPF) em Palmeira das Missões (RS) e da Coordenação da Fundação Nacional do Índio (Funai) em Passo Fundo (RS).

No encontro, que ocorreu na sede do MPF e foi coordenado pelo procurador da República Guilherme Augusto Velmovitsky van Hombeeck, os indígenas reafirmaram a intenção em deflagrar a eleição. O cacique Valdones Joaquim foi preso no mês passado investigado por envolvimento nos roubos a banco de Miraguaí.

Embora o vice-cacique Marcelino Mineiro tenha sido convidado para a reunião, o procurador destacou que ele não justificou ou comunicou o motivo da ausência. Em razão disso, o vice-cacique será notificado pelo MPF da deliberação tomada pelos representantes da Terra Indígena do Guarita de realizar o processo eleitoral.

A decisão será encaminhada ao presidente da Funai, em Brasília. 

Relembre o caso aqui.

Comentários
Notícias Relacionadas
  • 22/11/2017 - 10:03
    MPF busca entendimento sobre liderança da Terra Indígena do Guar...
  • 21/10/2017 - 23:01
    Noite de Rock na Toca do Urso
  • 16/08/2016 - 17:35
    Daer divulga cronograma de obras da semana
Últimas Notícias
  • 15/12/2017 - 23:10
    Fréu Petiscaria inaugura em FW
  • 15/12/2017 - 19:42
    Prefeitos se reúnem para última reunião ordinária da Amzop no ...
  • 15/12/2017 - 18:55
    Cidade monitorada é a nova aposta para aumentar segurança