Sexta, 16 de Junho de 2017 às 16:59
Se deu match, previna-se!
Campanha do SAE de Frederico Westphalen busca conscientização sobre o uso de preservativo
Por: Heloise Santi saude@folhadonoroeste.com.br
Quem faz o teste rápido durante o mês de junho ganha kit com camisinhas, gel lubrificante e um jogo de tabuleiro - Heloise Santi

Hoje Frederico Westphalen ocupa o 37º lugar dentre os 64 municípios do Rio Grande do Sul com maiores índices de casos de Aids registrados nos sistemas do Ministério da Saúde. O ranking é feito anualmente pela Secretaria Estadual da Saúde (SES) e, da região, aparece também Palmeira das Missões, 59º na lista.

– Esse número nos preocupa muito, porque é um ranking que ninguém gostaria de aparecer. O Rio Grande do Sul é um dos Estados com maior incidência de casos e aqui no nosso município não está diferente. Precisamos criar o hábito de se prevenir, de usar camisinha, de fazer o teste, por isso criamos essa campanha –, salientou a enfermeira coordenadora do Serviço de Assistência Especializada em HIV/Aids e hepatites virais (SAE) de Frederico Westphalen, Viviane Cerutti.

A campanha
Apropriando-se do Dia dos Namorados, o SAE lançou a campanha “Deu match? Previna-se”, que visa à prevenção de Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) e intensificação da divulgação do teste rápido. Gratuito, rápido e sigiloso, o teste consiste em recolher uma pequena amostra de sangue e em poucos minutos mostrar o resultado positivo ou negativo para as infecções. A campanha segue enquanto durarem os estoques. “A distribuição dos preservativos bem como a realização dos testes é feita durante todo o ano, porém utilizamos as campanhas como uma estratégia de mobilização”, disse a enfermeira.

Todos os que forem até as unidades de saúde e realizarem o teste rápido ganham kits com camisinhas, lubrificante, nécessaire e folders da campanha, que explicam como se transmite as ISTs e a importância de se fazer o teste rápido, seja do HIV/Aids, da sífilis ou da hepatite, além de um jogo de tabuleiro para disputar com o parceiro. “Hoje vivemos com uma série de doenças, das quais se consegue conviver, sim, por isso é importante saber. Assim conseguimos realizar o tratamento adequado e nos cuidando para não passar aos que amamos”, exemplificou Viviane.

Um vídeo, com o depoimento de uma portadora do vírus, foi divulgado nas redes sociais da prefeitura e também faz parte da campanha de conscientização. “Também estamos buscando a parceria de alguns locais com grande circulação de pessoas, especialmente jovens, como nos pubs da cidade, para deixar o material gráfico e os preservativos”, comentou a profissional ao destacar, mais uma vez, a importância da prevenção.

Como fazer o teste?
Os testes são feitos nas unidades básicas de saúde (UBSs) e também no Programa de Agentes Comunitários de Saúde (PACS), com dias e horários pré-estabelecidos. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (55) 3744-4911 no SAE.

Imagens
Comentários
Notícias Relacionadas
  • 08/09/2017 - 10:42
    Região poderá ter videomonitoramento comunitário
  • 30/06/2017 - 15:05
    Município contará com serviço de videomonitoramento
  • 11/01/2017 - 08:24
    Palmeira das Missões estuda implantação de vídeo monitoramento
Últimas Notícias
  • 19/10/2017 - 11:56
    Martírio dos trabalhadores rurais
  • 19/10/2017 - 08:12
    Temporal atinge Palmeira das Missões
  • 18/10/2017 - 18:00
    Verão radiante