Sentimento de vergonha para dignificar a nação!
Sexta, 29 de Setembro de 2017

Bom dia, mui amados leitores. Qual será o sentimento do povo diante dos atos escandalosos dos seus governantes? Como dar sentido e dignificar a vida de cada um?

Aprendiz: Mestre, como posso entender o significado de vergonha?

Mestre: A palavra vergonha pode ser entendida como um sentimento de desonra. Algum acontecimento que causa embaraço na pessoa, num povo ou nação. De maneira geral é qualquer coisa que não honra o ser humano, fere a sua dignidade, sua condição de vida e interfere na sua própria família.

Aprendiz: Ouve-se, diariamente, que alguns representantes de Estados e da nação não dignificam o seu povo, nem mesmo a classe trabalhadora que gera produtos, serviços e impostos para manter os próprios representantes. Ouve-se ainda que os governantes prejudicam direta e indiretamente a condição de vida das famílias que são a base da sociedade. Sociedade esta que os representantes, antes das eleições, tanto discursam prometendo trabalhar para gerar a melhor nação do mundo, com melhores condições na saúde, na educação, no transporte, com justiça, com igualdade, com mais empregos e melhores salários; mas nem mesmo o salário esses representantes, quando eleitos, são capazes de pagar integralmente e em dia aos trabalhadores? Os governantes não deveriam cumprir as normativas legais para dignificar o seu próprio povo? Um povo que tem representantes honrados e não corruptos, cumprindo seus compromissos sociais com qualidade integral e não aos pedaços e valorizando a classe trabalhadora que sustenta suas famílias (base da sociedade), por acaso um governo assim não seria mais forte? A nação não seria mais desenvolvida, orgulhosa, digna e soberana?

Mestre: A nação passa por um momento de transição interessante que deveria ser entendido como oportunidade, a qual surge diante de irregularidades noticiadas na mídia sobre os atuais representantes da nação. Tal oportunidade permitiria que o povo se organizasse e se instruisse, assim como as instituições de classes, com propósitos legítimos para encontrar soluções duradouras e capazes de dignificar o próprio povo, os representantes atuais e futuros e, com o devido trabalho honrado e honesto de todos, dignificar a vida humana, a vida dos trabalhadores, de suas famílias e, por extensão, a sociedade para dignificar a nação! Quem realmente trabalha e constrói por uma nação melhor pra todos, por uma nação livre, onde as pessoas podem usufruir a vida sem medos, sem sofrer com as incertezas de sentimentos de incapacidade diante de deuses políticos, sem as incertezas de receber seu próprio salário? Será que ainda existe uma centelha acesa da chama crioula? Ou será que uma nação forte, digna e soberana só existirá em sonhos. Tenham uma ótima semana e que Deus ilumine vossas mentes e corações!

Comentários